sexta-feira, 29 de abril de 2011

Aparências, nada mais!

Prisioneiro sedento...

Uma vez, um prisioneiro escapou do presídio, depois de 15 anos enclausurado. Durante sua fuga, ele encontrou uma casa, arrombou e entrou. Ele deu de cara com um jovem casal que estava na cama. Então, ele arrancou o cara da cama, amarrou-o numa poltrona e depois amarrou a mulher na cama.
O marido viu o bandido deitar-se sobre a mulher, beijar-lhe a nuca e logo depois, levantar-se e ir ao banheiro. Enquanto ele estava lá, o marido falou para sua mulher:
- Amor, ouça, esse cara é um prisioneiro, olhe suas roupas! Ele provavelmente passou muito tempo na prisão e há anos não vê uma mulher, por isso te beijou a nuca. Se ele quiser sexo, não resista, não reclame, apenas faça o que ele mandar, dê prazer a ele para que ele se satisfaça e vá embora nos deixando vivos. Esse cara deve ser perigoso, se ele se zangar, nos mata. Seja forte, amor, eu te amo!
E a mulher respondeu: - Estou feliz que você pense assim. Com certeza ele não vê uma mulher há anos, mas ele não estava beijando minha nuca. Ele estava cochichando em meu ouvido. Ele me falou que te achou muito sexy e gostoso e perguntou se temos vaselina no banheiro. Seja forte, amor. Eu também te amo !!!
*Moral da história: PEDIR CORAGEM AOS OUTROS, É FÁCIL!!!

Político e caráter

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Masturbação no trabalho.

Ana Catarina Bezerra Silvares, 36 anos, divorciada, mãe de 3 filhos, analista contábil, possui uma doençaque a difere das demais mulheres de seu ambiente de trabalho. Ela possui compulsão orgástica que é fruto de uma alteração química em seu córtex cerebral. Esta alteração a leva a uma constante busca por orgasmos que aliviem sua ansiedade.
Ana Catarina revela que ‘já teve dia de eu me masturbar 47 vezes. Foi neste momento que procurei ajuda. Comecei a suspeitar que isso poderia não ser normal”. Atualmente ela toma um coquetel de ansiolíticos que consegue frear a ansiedade, levando-a a se masturbar apenas 18 vezes por dia.
O Dr. Carlos Howert Jr., especialista em Neurologia Sexual acompanha a paciente há três anos. Segundo seu relato, ela é a única brasileira diagnosticada com esta disfunção. Para ele “provavelmente devem haver muitas outras mulheres sofrendo do mesmo mal, mas a dificuldade de assumir leva a muitas a se acabarem na ‘siririca’”.
No dia 08/04/11, Ana Catarina venceu uma batalha jurídica que perdurava dois anos. Finalmente o Ministério do Trabalho a concedeu o direito de intervalos de 15 minutos a cada duas horas trabalhadas para que possa realizar sua busca por prazer. Também está autorizada pelo Dr. Antonino Jurenski Garcia, Juíz do trabalho de Vila Velha, Espírito Santo, a utilizar o computador da empresa para acessar imagens eróticas que alimentem seu desejo.
Isto que chamo de ter prazer com o trabalho…
*Alguma dúvida? Se vc duvida coloque no Google o nome da moça e entre parênteses a palavra "masturbar"...

Dupla do trabalho

Chegada do José Alencar ao céu

O Zé Alencar chegou ao céu e não tinha ninguém na portaria.
Ele ficou bravo e foi direto para a sala de Deus. Chegou lá e reclamou:
- PÔ, Deus, não tem ninguém para me receber!!!
Paciente, Deus atendeu o Zé e depois orientou onde era o seu lugar.
Em seguida, muito bravo, Deus chamou São Pedro.
- São Pedro, vem para cá o vice presidente e um grande empresário e você não estava na portaria para recebê-lo!
São Pedro respondeu:
- Mas, Deus, nós marcamos mais de dez vezes com ele e ele furou todas...
Chegada do José Alencar ao céu
O Zé Alencar chegou ao céu e não tinha ninguém na portaria.
Ele ficou bravo e foi direto para a sala de Deus. Chegou lá e reclamou:
- PÔ, Deus, não tem ninguém para me receber!!!
Paciente, Deus atendeu o Zé e depois orientou onde era o seu lugar.
Em seguida, muito bravo, Deus chamou São Pedro.
- São Pedro, vem para cá o vice presidente e um grande empresário e você não estava na portaria para recebê-lo!
São Pedro respondeu:
- Mas, Deus, nós marcamos mais de dez vezes com ele e ele furou todas...

Moça surpreende mineirinho no trem.

Na viagem de trem, o mineirinho senta-se em frente a uma linda morena, que trajava uma mini-saia curtinha e sem calcinha por baixo.

O homem, sem qualquer discrição, fixou o olho naquele cenário, o que despertou a reação da moça:
– O senhor está olhando pra minha vagina? – perguntou ela, com um sorriso malicioso.
Meio desconsertado, ele se desculpou, com seu jeito humilde e roceiro:
– Ahn? Ah, sim... me discurpa dona, foi sem querê. Num óio mais.
– Tudo bem – responde a mulher, que àquela altura já se mostrara ser bem safadinha e procurava provocar o homem. Pode ficar olhando, que eu vou mandar ela dar uma piscadinha pra você.
Surpreendentemente, a vagina se abre e se fecha, deixando perplexo o matuto.
– Ela sabe fazê mais arguma coisa, dona? – pergunta ele, curioso.
– Sim, ela agora vai jogar um beijo pra você! – provocou mais ainda a menina.
– Óia, dona, a sinhora tá caçoando cumigo! Ela sabe inté jogá bêjo pra gente?
A moça contrai novamente a vagina, e abrindo-a rapidamente, faz com que ela emita um som, parecendo um beijo, deixando o homem boquiaberto.
Naquela brincadeira, a moça vai ficando excitada e diz para o mineirinho:
– Porquê o senhor não enfia dois dedos nela?
Ele arregala os olhos e responde, espantado:
– Puta qui pariu, dona! Num vai me dizê que ela tomém sabe assuviá???..

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Sai pra lá, coisa ruim!!!

Em uma de suas viagens, no jatinho do laranja dono de uma faculdade maranhense, Sarney, com o seu pijama de seda, fazia a leitura diária de seu Maquiavel em um aposento privativo do avião.
No mesmo vôo, vinha sua assessoria e os puxa-sacos,Renan,Collor. Em dado momento eis que aparece o diabo, disse que o jato iria cair e todos morreriam e começou a fazer o avião balançar muito. Apavorados, os assessores foram até a cabine onde se encontrava o tranqüilo chefe e contaram o que estava acontecendo.
Zangado, o Senador saiu do cômodo e foi ter com o diabo e perguntou:
- Você sabe quem sou eu?
O Diabo: - Sim, o Sarney!
Sarney: - Você sabe quem mandou prender o Zé Rinaldo Tavares usando seu prestigio junto à Justiça e à PF para satisfazer os caprichos de minha mimada filha?
O Diabo: - Com certeza foi Vossa Excelência.
Sarney: - Você sabe quem manda no Amapá e até no desafeto Capiberibe?
O Diabo: - É o senhor.
Sarney: - Você sabe quem não deixou o Governador eleito do Estado do Maranhão trabalhar, e fez de tudo até tirá-lo do cargo no tapetão e colocar sua filha?
O Diabo: - O senhor é fogo..., não há dúvida que é o senhor!
Sarney: - Você sabe quem manda na Dilma, Lula e em centena de petistas?
O Diabo: - O senhor, é claro!
Sarney: - Você sabe quem mandou durante quarenta anos no Maranhão, transformando- o no Estado mais pobre e que tem o menor IDH do país, construiu também um mausoléu num lugar que era do Estado só pra satisfazer seu ego?
O Diabo: - É demais! Foi Vossa Excelência!
Sarney: - Sabe quem dá as cartas na Eletronorte, BNDES, Ministério das Comunicações, Correios, Petrobrás e tem grandes influências em quase todos os Ministérios e na Câmara dos Deputados.?
O Diabo: - Não tenho dúvidas que é Vossa Excelência.
Sarney: - Você sabe quem é sócio de um Banco em Miami, foi sócio do ex-Banco Santos, é sócio de uma indústria de automóveis na Índia, sócio de um grande hospital, de um shopping e de dois prédios na avenida mais movimentada de São Luís, além de possuir vários quadros famosos e livros raros em uma ilha?
O Diabo: - Isso nem eu sei dizer de quem é, mas na dúvida..., acho que é do Senador.
Sarney: - Sabe quem Ricardo Murad, chama de painho e toma a benção todo dia por telefone antes de sair de casa?
O Diabo: - Francamente. ...., é o senhor !
Sarney: - Você sabia que agora sou Presidente do Senado só para abafar uma investigação da PF e tirar o Tarso Genro, tudo para mostrar à Dilma quem manda?
O Diabo: - És pior que eu !
Sarney: - Sabe quem possui o maior império de comunicação do Brasil para manipular pessoas em um Estado que tem um dos maiores índices de analfabetismo do país?
O Diabo: - Cruz credo! És tu.
Sarney: - Sabes quem é meu genro?
O Diabo: - Vou enfartar...
Sarney: - Se liga! Se eu morrer, com certeza, vou para o inferno, e sabe quem vai mandar por lá?
O Diabo: - Sai pra lá, coisa ruim!
Neste exato instante o diabo escafedeu-se e o avião parou de balançar e tudo ficou como antes...
O HOMEM PODE NÃO TER FALADO AINDA COM O DIABO, MAS O RESTO É TUDO VERíDICO !!!!!

O lado devasso

Se você pensa que Sandy é devassa...
É porque você ainda não conhecia a "Devassa do Pará":
Cada um com seu lado devassso...

Marido quase perfeito

O marido liga para casa no meio da tarde:
- Alô?
- Oi, minha rainha ! Como está o teu dia ?
- Tudo ótimo.
- Que bom! E as crianças estão bem ?
- Brincando sem parar, não se preocupe.
- Ótimo, perfeito ! Elas já almoçaram ? Se alimentaram bem ?
- Sim! Comeram muito bem ! Já fizeram o tema de casa e agora estão brincando.
- Que bom ! E me conta, minha linda, o que vai ter no jantar hoje ?
- O seu prato preferido e já coloquei a cerveja na geladeira...
- Uau ! Bife à milanesa e cerveja ! Por isso que eu te adoro tanto! Bom... está tudo tranqüilo em casa, então?
- Fique tranqüilo que está tudo bem.
- Ah, mais uma coisinha: você promete que, hoje à noite, colocará aquele babydoll preto pra mim ?
- Faço tudo para te agradar... E não vou esquecer o perfume que você mais gosta.
- Mesmo ? Obrigado meu tesão! É por isso te amo tanto...
- Sei, sei...
- Daqui a pouco te vejo, tá meu amor ?
- Vou ficar esperando ansiosa...
- Agora me chama a patroa aí, tá ?

domingo, 24 de abril de 2011

Fantasias sexuais

Como esperado, o ménage é a principal fantasia sexual masculina
O site canadense de encontros online lavalife.com fez uma pesquisa com seus usuários e listou as 10 fantasias sexuais masculinas e femininas mais comuns. Pelo que leio e escuto por ai, acho que lista não seria muito diferente no Brasil. O que acham?
O que eles mais desejam:

1- Menáge

2- Transar no trabalho

3- Transar com mulheres fantasiadas (sim, enfermeiras e coisas do gênero)

4- Transar com uma desconhecida

5- Sexo proibido (com a esposa do chefe, com a cunhada e por aí vai)

6- Ver a parceira com outro homem

7- Participar de uma orgia

8- Transar com mulheres mais jovens e mais velhas

9- Transar com várias mulheres (diferentemente da orgia, eles são o único homem no recinto)

10 - Dominação e submissão

O que elas mais desejam

1- Serem seduzidas por um estranho

2- Fazer sexo pago (sendo pagas)

3- Transar com outra mulher

4- Fazer do homem um escravo sexual

5- Seduzir um homem mais jovem

6- Transar com dois ou mais homens

7- Transar em um lugar público

8- Serem dominadas e forçadas a transar

9- Exibicionismo (transar enquanto outras pessoas assistem)

10- Voyeurismo (assistir a outras pessoas transando)

Fonte: http://colunas.epoca.globo.com/

FELIZ PÁSCOA!

A música de Domingo

Coisas da vida - Rita Lee e Roberto de Carvalho

Encontro de celebridades.

Ele vai voltar?

sábado, 23 de abril de 2011

Judas pego em flagrante.

"Dilma dá bronca em Mantega...".

Sorte em dobro.

A mulher estava do outro lado da rua, fofocando com uma amiga e o maridão em casa, conferia o resultado da mega sena.
Quando viu que tinha acertado as seis dezenas, enlouqueceu e começou a gritar:
- Jurema, Jurema!!! Ganhei, ganhei a mega-sena!!!
A mulher em êxtase, atravessa a rua como louca, vem um ônibus e pimba . . mata a coitada.
O marido fala:
- Puta que pariu, quando o cara tá com sorte, tá com sorte mesmo.

Lula e a herança maldita.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

10 notícias que veremos no futuro









Gostou novinha?

A abordagem de Aécio

Mancada nos tempos modernos.

"Hoje eu estava tomando um café, no Bar do Carlão, quando desesperadamente precisei peidar.
A música estava bem alta, então eu calculei para soltar o gasoso em sincronia com o ritmo.
Não deu outra. Lá se foi a feijoada, molho de repolho e ovos cozidos sendo dispensados no ritmo da música.
Fiquei orgulhoso pelo peidão; depois da música comecei a me sentir melhor e mais aliviado.
Terminei meu café tranquilamente; só então notei que todo mundo estava me olhando.
Então lembrei que estava escutando música no meu iPod...
Nunca mais tomei café lá.”
*Publicação de um anônimo na net.

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Aviso

Cadê a obra?

Prestem bem atenção na foto e leia o texto abaixo:

O Senhor que está segurando as bechigas, morreu ha 18 anos e não viu a obra ser concluida...
O primeiro garoto, que está ao lado esquerdo do homem, ja casou 3 vezes, tem 15 filhos e 46 netos, e nenhum deles viu a obra ser concluida...
O outro garoto, o do meio está preso em Presidente Bernardes, interior de São Paulo, cumpre pena de 35 anos, por assalto a mão armada e homicidio.
O outro garoto, menorzinho encostado no carro, assumiu que era gay aos 16 anos e hoje trabalha como travesti na Av. Amaral Gurgel, no Centro de São Paulo.
Este carro que eles estão encostados deixou de ser fabricado e não existe há mais de 20 anos.
Aquele povo todo que está lá atras, a maioria já morreu, alguns estão presos ou vivendo em acampamentos do M.S.T. pelo Brasil afora...
Concluindo, todo esse povo nunca viu a tal obra ser concluida, e tem trouxa, até hoje, acreditando que vai ver...

terça-feira, 19 de abril de 2011

Roubalheira à brasileira

Após roubo, ladrão também é assaltado
Vítima é abordada na zona norte da Capital e testemunha bandido ser alvo de ataque
A ocorrência policial 3829/2011, registrada na 14ª Delegacia da Polícia Civil, vai para os anais da criminalidade no Rio Grande do Sul. Às 19h30min de ontem, Rafael, 20 anos, e a namorada dele, moradores do Jardim Itu Sabará, zona norte da Capital, foram buscar o irmão dele num prédio na esquina das ruas Benno Mentz com Guiné. Ao estacionar a EcoSport prata, placas IXN-4000, modelo 2005, um homem rendeu o casal.
– Ele estava armado com um revólver calibre 38, cano curto – conta Rafael, cujo sobrenome será ocultado a pedido da família.
O estudante de Publicidade e a namorada não imaginavam o que aconteceria a partir daquele momento. Antes de o ladrão entrar no carro, outros três bandidos desembarcaram de um Prisma preto. Armados, eles anunciaram:
– É um assalto.
Sim, Rafael estava sendo vítima de um segundo ataque. Ou, para ser mais preciso, estava presenciando algo ainda mais raro: ladrão roubando de ladrão. Os criminosos levaram a arma do primeiro assaltante, que fugiu correndo pelas ruas do bairro, e o veículo do jovem, mantido refém durante cerca de 20 minutos.
Para comerciante, situação reflete insegurança no país
Para o comerciante Otacílio, 56 anos, pai de Rafael, o episódio sintetiza a segurança pública no país:
– É a mais pura realidade no nosso dia a dia. A segurança no Brasil é zero. Estamos nas mãos dos bandidos. Não existe um plano de segurança pública e os governos são omissos. É um caso inadmissível.
Vítima de assalto na noite de ontem, o estudante Rafael pediu para ter o sobrenome preservado. Após ter sido abordado por bandidos, ele viu o próprio assaltante também ser roubado.
Zero Hora – Como foi o assalto?
Rafael – Eu e a minha namorada fomos buscar meu irmão, na Rua Guiné esquina com a Benno Mentz. Assim que eu estacionei o carro, um cara chegou e bateu no vidro dela anunciando o assalto.
ZH – Ele chegou a entrar no carro?
Rafael – Não. A gente saiu, entregou a chave, mas quando ele foi entrar encostou um Prisma preto do nosso lado. Três caras armados desceram do carro.
ZH – O que eles fizeram?
Rafael – Eles anunciaram outro assalto.
ZH – Três bandidos roubaram um assaltante?
Rafael – Sim!
ZH – O que eles disseram?
Rafael – Dois foram na direção do assaltante, do primeiro assaltante, e um, na minha direção. E pediram para o cara dar a arma dele.
ZH – E o primeiro assaltante, como reagiu?
Rafael – Ele falou: “Mas é eu quem estou assaltando”. Eles pegaram a arma dele e me puxaram para dentro do carro.
ZH – Dentro do carro, o que eles falaram?
Rafael – Eles riam. Falavam que tinham roubado o assaltante e pego a arma dele.
ZH – O que eles queriam contigo?
Rafael – Dinheiro. Eu estava com um cartão do Banrisul da minha mãe, mas não sabia a senha. Mesmo assim, me levaram para uma agência. Tentei sacar, até que bloqueou a senha. Na saída, eles me liberaram.

sábado, 16 de abril de 2011

O eleitor e sua arma

A margarina mais famosa


A margarina mais famosa do cinema - Cena do filme "O último tango em Paris"

As cinco maiores gafes de Dilma

Conselho de um pai

- Pai, vou me divorciar da minha mulher. Há seis meses que ela não fala comigo.
O pai fica em silêncio durante uns momentos, bebe mais um gole da cerveja e diz:
- Pensa melhor nisso meu Filho, mulheres assim são difíceis de arranjar...

terça-feira, 12 de abril de 2011

Mulher passa veneno na vagina para matar marido durante sexo oral

Uma ocorrência incomum foi registrada no 4º Distrito Policial de Rio Preto, na última semana. Trata-se de “averiguação de tentativa de homicídio”. O inusitado da história é o teor da denúncia: um homem procurou a polícia e contou que após uma briga a mulher passou uma substância tóxica (veneno) da vagina e o convidou para sexo oral.
Esperto, o maridão deu uma cheiradinha no produto antes de saborear o veneno e desconfiou da intenção perversa da mulher. A ocorrência foi registrada pelo delegado Walter Colacino Júnior, que diante da versão inusitada, determinou a apuração dos detalhes do caso antes de adotar qualquer providência.

100 dias de mediocridade

100 dias de um governo que, apesar de ser uma piada, não tem a menor graça.

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Consulte a ANAC

Clique na imagem para ampliar
Siga atentamente as instruções a seguir:
1 - Entre na área de consultas de licenças e habilitações técnicas do site da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil).
2 - Digite o código 129806.
3 - Aperte o cinto e boa viagem até… Springfield?!?
Depois fazem episódio sacaneando o Brasil e adivinha quem reclama. Pois é.
*Dica do Comandante Leonardo.

terça-feira, 5 de abril de 2011

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Saiba pedir

Um homem entra num restaurante com uma avestruz atrás dele.
A garçonete pergunta o que querem.
O homem pede :
Um hambúrguer, batatas fritas e uma coca.
E vira-se para a avestruz:
E você, o que vai querer ?
Eu quero o mesmo - responde a avestruz.
Um tempo depois a garçonete traz a conta no valor de R$ 32,50.
O homem coloca a mão no bolso e tira o valor exato para pagar a conta.
No dia seguinte o homem e a avestruz retornam e o homem diz:
Um hambúrguer, batatas fritas e uma coca.
E vira-se para a avestruz lhe perguntando o que queria:
Eu quero o mesmo - responde a avestruz.
De novo o homem coloca a mão no bolso e tira o valor exato para pagar a conta.
Isto se torna uma rotina até que um dia a garçonete pergunta:
Vão querer o mesmo?
Não, hoje é sexta e eu quero um filé à francesa com salada. - diz o homem.
E eu quero o mesmo. - diz a avestruz.
Após trazer o pedido, a garçonete trás a conta e diz:
Hoje são R$87,60.
O homem coloca a mão no bolso e tira o valor exato para pagar a conta colocando em cima da mesa.
A garçonete não controla a sua curiosidade e pergunta:
Desculpe, senhor, mas como o senhor faz para ter sempre o valor exato a ser pago ? - E o homem responde:
Há alguns anos eu achei uma lâmpada velha e quando a esfregava, para limpar apareceu um gênio e me ofereceu 2 desejos.
Meu 1º desejo foi que eu tivesse sempre no bolso o dinheiro que precisasse para pagar o que eu quisesse.
Que idéia brilhante ! - falou a garçonete.
A maioria das pessoas deseja ter um grande valor em mãos ou algo assim. Mas o senhor vai ser tão rico quanto quiser, enquanto viver!
É verdade, tanto faz se eu for pagar um litro de leite ou um Mercedes, tenho sempre o valor necessário no bolso. - respondeu o homem.
E a garçonete perguntou :
Agora, o senhor pode me explicar a avestruz ?
O homem faz uma pausa, suspira e responde:
Meu 2º desejo foi ter uma companheira com bunda grande, pernas longas,esbelta e que concordasse comigo em tudo...

Quando a cerveja faz bem

Um professor de química queria ensinar aos seus alunos do segundo grau, os males causados pelas bebidas alcoólicas, e para isso elaborou uma experiência que envolvia um copo com água, outro com cerveja e dois vermes.
- "Agora alunos, atenção! Observem os vermes", disse o professor, colocando um deles dentro da água.
A criatura nadou agilmente no copo, como se estivesse feliz e brincando.
Depois o mestre colocou outro verme no segundo copo contendo cerveja.
O bicho se contorceu todo, desesperadamente, como se estivesse louco para sair do líquido e depois afundou como uma pedra, absolutamente morto.
Satisfeito com os resultados, o professor perguntou aos alunos:
- "E então, que lição podemos aprender desta experiência?"
Joãozinho levantou a mão, pedindo para falar, e sabiamente respondeu:
- "Beba muita cerveja que você nunca terá vermes."
E foi aplaudido de pé pela galera...